17/09/2014

Bicho de Estimação - A Importância da Vacinação em Gatos

Seu Bichinho pode ter uma vida sempre saudável e feliz, basta vaciná-lo no primeiro ano de vida e dar as doses de reforço todos os anos, para prevenir diversas doenças entre elas:

PANLEUCOPENIA FELINA, é uma doença infecto-contagiosa e geralmente fatal, transmitida através da saliva ou secreções, afeta o aparelho digestivo e sistemas nervoso e linfático. Perda de apetite, muita sede, diarreia, vômito, estado letárgico e febre, leve seu gato imediatamente ao veterinário ao menor sintoma para o correto tratamento, pois pode levar a morte em até 24 horas. O diagnóstico é feito a partir de exames de sangue e sinais clínicos.

RINOTRAQUEITE é causada pelo Herpesvírus, afetando principalmente o sistema respiratório, é muito comum entre gatos domésticos. A transmissão é feita de forma direta através de secreções nasais ou oculares e seus principais sintomas aparecem através de espirros, desidratação, secreções nasais, febre e até dificuldade para respirar, podendo ocorrer perda de peso. O diagnóstico é feito através de exames laboratoriais, e deve-se iniciar o tratamento o quanto antes com antiinflamatórios, para que o animal não fique tão debilitado com febre e dores.

CALICIVIROSE, é transmitida por vírus (Calicivírus) através de contato direto entre gatos, por secreções orais ou ocasionalmente ele pode ser expelido na urina e nas fezes. Os principais sintomas são: secreções nasais, espirros, podendo ocorrer úlceras na língua, palato e boca, além de febre, conjuntivite, pneumonia e dores musculares. Ainda não há medicamento antiviral para a doença, mas antibióticos são utilizados para o controle das infecções.

LEUCEMIA FELINA, também conhecida como FELV (Felina Leukemia Virus) é transmitida através da saliva ou no parto. A doença impede que o sistema imunológico do gato funcione corretamente, fazendo com que o Bichinho fique exposto a infecções e a partir daí, qualquer doença séria pode se desenvolver e afetar a saúde do felino. Os sintomas são: perda de apetite e peso, diarreia, prisão de ventre, depressão, tumores, aumento dos gânglios linfáticos, dificuldade de respirar e o desenvolvimento de anemia que pode ser fatal. A leucemia ocorre porque a produção de células do organismo fica comprometida. A FELV não tem tratamento, a única coisa a ser feita é tratar as doenças secundárias para garantir qualidade de vida ao felino, já que o vírus nunca será eliminado do organismo.

A RAIVA felina é infecto-contagiosa e causada por vírus. Afeta o sistema nervoso central e é transmitida principalmente através da mordida de um animal contaminado. Os sintomas são agressividade, hidrofobia, fotofobia, anorexia, febre, paralisia, coma e infelizmente, chegar a morte. A raiva não tem cura e por isso a vacina anti-rábica é importante.

Por: Marjorie Borges

Relacionaos

Gostou? Compartilhe