05/02/2015

Bicho de Estimação - Sexto Sentido Animal

Você já deve ter ouvido muitas histórias sobre animais que conseguem prever terremotos, a morte de alguém ou até coisas simples como a chegada do dono em casa.

Mas afinal, será mesmo que os animais conseguem enxergar algo que nós não vemos?

Alguns estudiosos acreditam que o fato de animais terem olfato e audição muito apurados, eles podem sentir vibrações, que não são vistas como coisas de outro mundo e que na correria do dia a dia, nós não percebemos.

Embora os estudiosos defendam que esse "sexto sentido" seja apenas por conta de hablidades auditivas e olfativas, muita gente acredita que animais tem dons além do campo físico.

Seriam eles capazes de sentir uma doença ou morte, ver espíritos?

Há índicios que desde o Antigo Egito, os gatos conseguiam ver espíritos e transitar pelo mundo dos mortos, tanto que gatos eram enterrados junto aos faraós, para que o faraó não ficasse perdido no outro mundo, o gato funcionava como uma espécie de relações públicas para o submundo.

Essa crença foi ganhando força e até os dias de hoje existem muitos relatos que afirmam o poder sobrenatural não só dos gatos como de outros animais.

Segundo esses relatos, gatos, podem ver e sentir espíritos assim como prever desastres naturais.

Os cães também conseguem sentir coisas sem explicações, mas ao contrário dos gatos eles não conseguem ver espíritos, só sentí-los, e também sentem a aproximação do perigo.

Cavalos também são extremamentes sensíveis as variações de energia, assim como os pássaros.

O curioso é que aparentemente o gato enfrenta um mau espirito ou energia estranha, já o cachorro fica assustado.

O gato também transforma a energia negativa do ambiente, ele filtra essa energia, dizem que é dorminhoco, porque precisa repor as energias que perde nesse "trabalho" de limpeza.

É um assunto bastante instigante e também cheio de tabus, mas no final, a gente sempre tem uma história de um bicho que passou a impressão de que algo que não vemos ou sentimos estava ali.

Eu mesma tenho 3 gatos, o Dylan, a Cher e o PJ (eles têm 12, 11 e 9 anos respectivamente) e em toda nossa convivência já presenciei coisas de arrepiar e vou compartilhar com vocês acreditem ou não, pois sei que esses comportamentos são tipicamente felinos.

Uma vez, quando nos mudamos de casa, na primeira noite foi assustador, eles ficavam em fila parados olhando pra escada, sibilando e aparentemente não havia nada lá.

Quando a Phoebe (também gata) estava doente, eles não ficavam com ela, antes de descobrirmos a doença, era como se eles já sentissem que algo estava diferente, e quando ela morreu, eles ficaram uma semana meio estranhos, olhando para o nada, mas na altura deles, cheirando algo que eu não via, mas era como se fosse a presença da Phoebe mesmo, principalmente na hora de comer.

Já aconteceu algumas vezes à noite de ficarem todos também em fila na porta do quarto, meio que guardando pra "ninguém" entrar. E eu já ouvi dizer que quando eles ficam na porta do quarto é justamente pra evitar entrada de maus espíritos.

Quando a Cher fica miando de forma insistente e andando de um lado para o outro é certo que vem chuva, e daquelas fortes, não tem erro.

Olhar para o nada e a gente não sabe o que está ali, pois eles olham e o Dylan que é o mais velho é o que sempre está mais alerta, ele fica olhando para as paredes, miando, pode até ter uma explicação para isso, mas que arrepia até o dedinho do pé, arrepia.

Fora quando nem chegam perto de determinadas pessoas, aí já sei que tem que tomar cuidado.

Em compensação o PJ, o caçula, ele é o que menos sente essas coisas, nada abala esse gato, tirando às vezes que ficou na fila, tipo cordão de proteção, ele não perde seu sono por nada.

E você tem alguma história arrepiante? Deixe seu comentário.

Leia também, As Superstições e os Gatos

Marjorie Borges

Relacionaos

Gostou? Compartilhe